O QUE ELAS NÃO QUEREM QUE VOCÊ SAIBA!

Essas e outras vantagens fizeram com que mais de 1.600.000 veículos estejam circulando com gás natural no país, como alternativa à gasolina e ao álcool.

O gás natural veicular, o GNV, é um combustível em sintonia com as necessidades do mundo moderno, conciliando eficiência, economia e respeito ao meio-ambiente. É um combustível disponibilizado na forma gasosa que, a cada dia mais, vem sendo utilizado em automóveis. A sua qualidade é garantida, pois o GNV não pode ser adulterado. A tecnologia de conversão é regulamentada e atende às normas internacionais. O cilindro de gás é muito mais resistente que o tanque de gasolina e/ou álcool e conta com sistema de segurança adequado. Além disso, não altera o combustível original do veículo. Ou seja, sempre que quiser, você pode usar gasolina e/ou álcool.

Além disso, o uso do GNV tem importante papel na redução dos níveis de poluição atmosférica, uma vez que a sua combustão com excesso de ar tende a ser completa, liberando apenas dióxido de carbono (CO2), em menor proporção que os combustíveis líquidos, e água (H2O). Por ser um combustível gasoso, possui um sistema de abastecimento e alimentação do motor isolado da atmosfera, reduzindo bastante as perdas por manipulação para abastecimento e estocagem.

Se tudo isso não bastasse, a conversão proporciona uma média de economia de até 65% sobre o valor do litro da gasolina. Aliado ao custo do combustível, o GNV é mais econômico, pois ele tem um rendimento de 20% maior em relação à gasolina e de 50% maior em relação ao álcool. Além dessa economia, alguns Estados oferecem desconto no IPVA e fazem campanhas de incentivo.


               Em Destaque
Posts Recentes